quinta-feira, 15 de maio de 2014

Reunião de Pais e Mestres Um bicho de 7 cabeças?

Reunião de Pais e Mestres Um bicho de 7 cabeças?


Reunião de Pais e mestres.

Esse é um momento um tanto quanto constrangedor, principalmente se a turma em questão vem dando certo trabalho por negligência dos pais.
Para de alguma forma auxiliá-los nessa tarefa complicada passarei um pequeno cronograma a ser seguido,  e uma ideia que me ocorreu a partir da leitura de uma dinâmica que desconheço a autoria, mas que se encaixa perfeitamente na ocasião.

Vamos decapitar o bicho de sete cabeças 
A reunião deverá ser organizada cuidadosamente no dia anterior, empregue tempo naquilo que vai fazer e pensando no que vai falar.


1 - Com a ajuda dos alunos confeccione  cartões coloridos e peça que decorem e escrevam uma frase que pode ser:
Eu te amo
Te adoro 
Educação nunca foi despesa , mas investimento com retorno garantido
Escolha a frase de acordo com o assunto a ser discutido na reunião a nossa escolhida foi.
Não esqueça de mim, eu sou o principal na sua vida.(Clique e Leia)
É importante que todos escrevam a mesma frase ou citação.
Preparados os cartõezinhos,  providencie tudo que irá ser utilizado no dia posterior e organize suas falas.
2 -  Prepare um belo slide com um texto reflexivo interessante que de igual modo se associem ao tema da reunião.

Mãos a Obra
Reunião de Pais e Mestres Um bicho de 7 cabeças?
Cronograma


1º Momento: Receba os pais com música suave e entregue a cada um um cartão dentro de um envelope branco orientando-os a não abrir até o momento indicado
* Importante -  Entregue o cartão aleatoriamente é importante que maioria dos pais não receba o cartão de seu filho e sim de um de seus colegas.

2° Momento -  Apresente o slide em  Data show ,  TV ou apenas leia ( caso algum pai seja analfabeto é interessante que o professor acompanhe o slide lendo)
 * Escolhi para essa reunião o texto NÃO ESQUEÇA O PRINCIPAL  que você pode encontrar aqui mesmo em nosso blog
3° Momento -  Abra um parêntese para que os pais coloquem sua impressão sobre o texto.
4° Momento -  Hora da dinâmica .
É justamente nessa hora que os cartões vão servir.
Peça para que abram os envelopes e leiam aquilo que seus filhos escreveram.
Espera-se que algum pai identifique o cartão como não sendo arte de seu filho pela letra, decoração ou cores utilizadas,  e que  com a observação do primeiro outros venham a se manifestar.
Essa dinâmica pode ser um tanto quanto desafiadora para professores que tem certo medo do confronto já que haverá pais que não reconhecerão a grafia de seus filhos por serem negligentes ou não empregarem tempo lhes ensinando  lição, ou mesmo aqueles que fazem as tarefas pelos filhos
5° Momento: A  parte mais chata, ou seja , a fala do professor.
Peça para que eles recoloquem os cartões em cima da mesa, pegue    um a um e entregue  aos respectivos pais dizendo:
 -  Essa é a letra e o estilo de seu filho(a).
Na vida, e na correria diária por diversas vezes deixamos de lado o principal. Na ânsia de darmos conforto e boa escola a nossos filhos esquecemos de acompanhá-los diariamente dando a ele nosso tempo, nosso carinho, nosso cuidado e nossa afeição.
Deixamos de empregar tempo olhando seus cadernos, revisando com eles os assuntos e por diversas vezes com medo de ser confrontado pelo professor pegamos o lápis trememos um pouco a mão e fazemos a tarefa em lugar dele.
Eu conheço a letra de cada um de meus alunos, sejam ele 2 ou 30 por que emprego tempo brincando com eles, orientando nas lições diárias ... Eu sei quem gosta de florzinhas, quem prefere coraçõezinhos e quem deixaria a página em branco;  isso não apenas por que ganho para ensiná-los, pois também a professores que não conhecem a letra de seus alunos, mas por que eles também são o principal em minha vida como filhos. 
Embora o dia-a - dia seja corrido e tenhamos que nos preocupar em alimentá-los, dividir experiência com eles enquanto aprendem vale bem mais que lhes dar uma festa da Barbie ou do Ben 10. 
Não quero constranger ninguém coletivamente ou individualmente, quero apenas levar-lhes a refletir e lembrar-lhes de não esquecer o principal que é o seu filho.
Passado esse momento escute pacientemente a reclamação e/ou dúvida de cada pai esclarecendo os maus entendidos e os orientando com dicas de como proceder no momento de ensinar aos filhos  uma tarefa.
Observe a pauta e fale coletivamente do erro de muitos não apontando ninguém.
* Importante: Nunca trate de assuntos daqueles que não estão presentes, caso ache necessário chame cada um individualmente e fale pessoalmente, pois é  um procedimento ético falar à pessoa em sua presença e não aproveitar-se da situação para lhe apontar as falhas e fazer de algo sério motivo para burburinho e fofocas sem valor.
6° Momento : Entregue a cada pai uma cópia do texto em canudo amarradinho (como um diploma) e uma pequena lembrancinha da reunião agradecendo a todos pela presença e compreensão.


* Não deixe de expor que cada reunião é feita no intuito de melhorar  a educação da criança e trazer-lhe benefícios.
*Prepare-se para na próxima reunião fazer elogios ao desempenho e melhora dos alunos em função da ajuda dos pais.


Textos e Artigos Gi Barbosa:

2 comentários:

  1. Gostei da sugestão para reunião, realmente é um problema tocar nestes assuntos, mas desta maneira facilita bastante e o objetivo com certeza será alcançado.

    ResponderExcluir

Complemente esta postagem com suas sugestões. É sempre muito interessante enxergar outras formas de aplicação de determinada proposta ou os muitos pontos de vista de nossas leituras e reflexões.
Esperamos ansiosos sua colaboração!

Pesquisa Ideia Criativa mais de 20.000 sugestões

Esta é a forma mais fácil de encontrar o que você procura neste site.
Basta digitar a palavra e pesquisar!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...