BNCC NA PRÁTICA: Pesadelo na cozinha da escola?

BNCC NA PRÁTICA: Pesadelo na cozinha da escola?

Você já pensou em um pesadelo na cozinha da escola?

Nós pensamos e corremos para compartilhar esta ideia com vocês e mais uma vez colocar a BNCC em prática.

Como precisamos sempre partir da realidade e do interesse das crianças, e tendo em vista que PESADELO NA COZINHA é um dos programas mais vistos na TV e INTERNET achamos válido pegar inspiração nele e despertar ainda mais o interesse dos pequenos.

Se bem que por envolver crianças a ideia fica mais perto de um SONHO NA COZINHA DA ESCOLA, você não concorda?

Mas, vamos à proposta:

Para esta atividade pedagógica será necessário um planejamento prévio da preparação do ambiente da cozinha bem como da equipe que lá trabalha.

Mas, dizem que cozinha não é lugar de criança, né?

Já nós não temos medo de afirmar que:

Previamente preparado, qualquer ambiente é digno da visita de pessoas especiais, então nós vamos sim para a cozinha (rsrsrs)

Mas como uma ida até a cozinha se alinha com os direitos de aprendizagem da BNCC e seus respectivos campos de experiência?

A resposta é... DE DIVERSAS FORMAS.

Vamos indicar algumas possibilidades.
Pesadelo na cozinha

Acionaremos o campo Espaços, tempos, quantidades, relações e transformações das seguintes formas:


  • explorando o ambiente pela observação, sentido seu cheiro, temperatura, organização de mobiliário no espaço;
  • abrindo possibilidades de contagem de frutas, ingredientes de uma receita;
  • transformando ingredientes em bolos, frutas em sucos ou saladas;
  • classificando ingredientes de acordo com suas diferenças e semelhanças como por exemplo: líquidos, sólidos;
  • registrando em um pequeno bloco com imagens de eletrodomésticos a quantidade vista na cozinha , como por exemplo: 1 fogão, 1 geladeira, 2 liquidificadores.


Outro campo de experiência que pode ser acionado é o eu, o outro e o nós uma vez que as crianças poderão comunicar-se com os funcionários que trabalham na cozinha fazendo questionamentos sobre suas funções ou falando sobre seus sentimentos em relação à visita.

Já no campo de experiência Escuta, fala, pensamento e imaginação o professor poderá trabalhar com a seleção de diferentes receitas e levar as crianças a compreenderem a estrutura textual através do levantamento de hipóteses.

A turma também poderá escolher uma das receitas para fazer

Selecione receitas simples como: Salada de frutas, brigadeiro, bolo de milho de liquidificador, etc

Para traços, sons, cores e formas pediremos que cada criança escolha relembre momentos da visita e produza na parede das expressões, em tela ou mesmo em sulfite uma cena que demonstre qual foi seu sentimento com esta vivência.

Pediremos também que criem memes ( linguagem da internet) inspirados na visitação.

Como podem ver, existem muitas possibilidades de acionamento de campos de experiência da BNCC no momento em que planejamos uma "simples" visita a algum espaço escolar.

Cabe a nós então, a criação de momentos de vivência ricos como este e à equipe escolar a colaboração para que o planejamento seja efetivado da forma mais incrível possível para as crianças.

Portanto, defina antes o que será realizado no ambiente.


Ideia Criativa®. Artigo criado por Gi Carvalho em . Atividades pedagógicas para Educação Infantil Atividades e planos de aula para professores da Educação Infantil. Classificação: 5

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem