Como fazer um plano de aula para Fundamental I?

plano de aula de acordo com a BNCC
Neste post queremos fazer reflexões sobre como fazer um plano de aula para Fundamental I .

Sempre tive certa resistência em fazer planos de aula.

Pessoas indisciplinadas têm uma dificuldade imensa para realizar este tipo de trabalho, todavia uma coisa compreendi ao longo dos anos.

Você pode deixar de fazer a chamada em determinado dia,  deixar de fazer uma atividade escrita num outro, deixar de seguir um protocolo em determinada ocasião, mas jamais poderá deixar de planejar sua aula.

Ensinando determinada época para jovens e adulto me via extremamente triste por nunca conseguir colocar meu plano em ação.

Isso acontecia por que eu não levava em consideração uma série de itens e não compreendia que o plano deve ser flexível.

Um bom professor tem sempre uma carta na manga, ou seja, um segundo plano no caderno, pois em determinados períodos não se pode prever o que vai acontecer.

É preciso estar preparada para qualquer eventualidade.


Eis o grande problema ...

Eu preparava aula pra 20 e devido ao cansaço do dia chegavam 6 o que me deixava desnorteada.

Parece que se apoderava de mim uma incapacidade monstruosa .

RESUMINDO... era um dia de aula horrível, uma aula pavorosa. 

Um procedimento metodológico que precisava de 20, mas só tinham 6.

Primeiro erro:

Eu não levava em consideração que minha turma era formada de pessoas de meia idade que trabalhavam na roça ou passavam o dia fazendo farinha de mandioca. 

Não me ocorria que poderiam chegar muito cansados e certamente nem todos estariam dispostos a ir à escola.

Com o tempo fui observando e aprendendo que:

O plano de aula  NÃO É mais um item rotineiro ou sem função dentro da sala de aula e estudando muito consegui planejar de forma adequada para meu público.

O que era preciso, afinal...

Planejar implica em traçar metas para alcançar determinados objetivos

Entre esses objetivos temos os mais amplos como:
  • O aprendizado do aluno;
  • Sua formação intelectual, física e moral;
  • Sua capacidade de explorar o mundo etc.

Eu preciso estar preparada para auxiliá-lo em tudo isso e muito mais.

Não é tarefa das mais simples, mas é das mais humanas e gratificantes.

Sempre ouvimos falar que um bom professor deve auxiliar na formação de alunos críticos, não é verdade?

Resta-nos saber se estamos prontos para crítica desses alunos.

Para que estejamos de fato preparados precisamos aprender a olhar para dentro de nós e fazer questionamentos. 

Então, na próxima vez que for planejar sua aula volte si um pouco para dentro (eu sei que isso requer tempo, mas é necessário) e responda à seguinte pergunta:

Eu estou me dedicando verdadeiramente à minha função de educar ou estou visando encarando a profissão professor como um bico?

Feito essa indagação compreenda que:

De nada vale seu título se o amor a dedicação e o empenho não estiverem sendo empregados para o cumprimento de seu papel enquanto educador

Não se pode negligenciar esta profissão, pois as consequências para as crianças serão gravíssimas.

Compreenda também que de nada vai adiantar copiar um objetivo de determinado livro ou baixar planos prontos da internet e aplicá-los tal qual estão escritos.

Você pode se inspirar em planos dos colegas? SIMMMM

Mas jamais aplicá-los desconsiderando a realidade de seus alunos, a faixa etária e o nível de aprendizagem em que cada um deles se encontra.

Pode ser um norte para elaboração do seu, mas não uma cópia fiel aplicada. Compreendido?

Se você quer auxiliar na formação de indivíduos pensantes precisa aprender também a pensar. 

E o que devemos pensar ao elaborar um plano de aula?


1 ° Qual temática será explorada?

2° Eu tenho domínio sobre aquilo que quero falar?

3° Isso se aplica no momento a realidade vivida pelo meu aluno?

4° Quais meus objetivos?

5° Que atitudes precisam ser tomadas para que minhas metas previamente traçadas sejam alcançadas?

6° Como vou me certificar de que meu aluno realmente entendeu aquilo que ensinei?

No esboço :


TEMA –  COMPONENTE CURRICULAR-  OBJETO DE CONHECIMENTO- HABILIDADES– PROCEDIMENTOS – AVALIAÇÃO.


Há várias formas de se montar um bom plano de aula, contudo em todas elas deve ser levado em consideração o tipo de aluno atendido suas necessidades e preferências.
O professor que conhece bem sua turma terá menos chance de errar ao planejar sua aula, todavia aquele que pouco se importa em hipótese alguma conseguirá ser um educador excelente.
No máximo será um profissional da área, poderá carregar consigo títulos,  mas jamais carregará a satisfação de ter auxiliado para a formação de um indivíduo competente


Seja autêntico, promova, discuta, indague...


Faça a diferença!


8 Comentários

  1. Parabéns pelo texto sobre Plano de aula. Adorei a sua reflexão.
    Bjos!!!

    ResponderExcluir
  2. Amei sua reflexão sobre o planejamento de uma aula. Amo o que eu faço, ser professora é muito bom. E este ano vou planejar mais.... feliz 2012.

    ResponderExcluir
  3. Obrigada Grasi... Com o tempo vamos refletindo e aprendendo.
    Beijokas

    ResponderExcluir
  4. Oi Tutti!

    Obrigada por refletir junto comigo.
    Espero que tenha sido uma reflexão útil
    Beijokas

    ResponderExcluir
  5. O planejamento costuma ser o calcanhar de Aquiles de muitos professores, no seu texto você deixa claro a importância de se planejar as aulas. Tenho certeza que vai ser muito útil!

    ResponderExcluir
  6. Obrigada por esse post , foi bem produtiva ela e super construtiva os planejamentoa devem ser eficientes e bem produtivas... obrigada por esse texto

    ResponderExcluir
  7. GI Você faz a diferença...Obrigado por todas as suas contribuições e dicas! Pra nós professores estagiários você é muito especial!beijos!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem